sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Cotidianos: Preconceito punido

– E ai Gabriel?
– Fala Luiz.
– Vamos almoçar?
– Claro.
– Tem um restaurante novo a duas quadras daqui.
– Beleza! Vamos nesta Luiz.
Alguns passos depois...
– Xi Luiz...
– O que foi?
– Dois negrões na nossa direção.
– Negrões? Cara! São pessoas da raça negra. Qual o problema?
– Eu vou voltar.
– Por quê?
– Não quero ser assaltado.
– Nossa cara! Isto é além do preconceito, é racismo. Isto é crime.
– Crime por quê?  Por querer voltar?
– Pelo que está dizendo.
– Ahhh Luiz, fiques para ser assaltado. To fora. To voltando.
No dia seguinte...
– Pô Gabriel tu és preconceituoso mesmo. Aqueles caras são filhos do dono do restaurante. Eles estavam distribuindo folhetos de promoção. Fui muito bem tratado e a comida é ótima e barata.
– Que bom.
– Que descaso! Continua o preconceito hein?
– Nada disto, Luiz. É que to chateado.
– Por quê?
– Ontem quando retornei, acabei pegando o carro e indo almoçar no shopping.
– E aí?
– Aí que uma gata, a coisa mais linda, começou a me dar bola.
– É?
– Sim. Ela era loira de olhos azuis, seios fartos e que bunda. Cheirosa, gostosa, uma loucura.
– E isto é motivo para desânimo?
– Pois é. Ela me deu uma cantada e me convidou para ir a um motel.
– E?
– Era uma tremenda armadilha. Quando eu cheguei no estacionamento, três amigos dela me assaltaram.
– Mesmo?
– Sim! Levaram dinheiro, celular e o carro. Eles me deixaram só de cuecas. Eu só lembrava de ti e do que tinha me falado.
– Para com isto meu. Ficou de cuecas pensando em mim? Tá me estranhando.
– Não é isto Luiz, qual é?
– Então pensou em mim por quê?
– Porque eles eram todos brancos. 

5 comentários:

  1. Ótimo texto! é verdade... Estamos muito enganados!

    ResponderExcluir
  2. kkk, é acontece fazer o que né;
    Ser julgado pela cor da pele... infelizmente é de matar...
    E o que é pior em um país completamente étnico...
    E ainda tem gente que adora por o dedo na moleira de outros países...
    Bom texto.

    ResponderExcluir
  3. Lembrou-me aquela velha frase:
    "Deus castiga sem pau nem pedra"!
    Às vezes a justiça divina é rápida no gatilho :) Nada que não fosse merecido.

    Com um "obrigada" por suas palavras de carinho, desejo que o Novo Ano que se aproxima a passos largos traga dias muito felizes, junto de toda a família.

    Beijinhos
    MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

    ResponderExcluir
  4. Lembrou-me aquela velha frase:
    "Deus castiga sem pau nem pedra"!
    Às vezes a justiça divina é rápida no gatilho :) Nada que não fosse merecido.

    Com um "obrigada" por suas palavras de carinho, desejo que o Novo Ano que se aproxima a passos largos traga dias muito felizes, junto de toda a família.

    Beijinhos
    MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

    ResponderExcluir
  5. Boa noite Claudio.
    Não vou dizer que foi merecido ele ter sido assaltado, ate porque o racismo na maioria das vezes são a família que passa para os filhos e eles crescem achando que por ser negros podem ser assaltantes e passam a teme-los. Tudo errado, os pais deveriam educar os filhos sem nenhum preconceito e teríamos quem sabe um mundo mais justo. Mas com essa lição com certeza ele mudará as suas opiniões sobre os negros e aprenda que os brancos também pode ser maginais. Eu não passo a noite na rua se estiver um grupo reunido, seja branco ou negro procuro evitar como dizem gato escaldado tem medo de água fria rsrs, um talvez de conta, muitos é meu fim rsrs. Mas graças a Deus não tem nenhum tipo de preconceito e a minha filha é ainda mais radical, ela odeia racismo. Uma feliz noite meu amigo, Abraços.

    ResponderExcluir